Pages Menu
RssFacebook
Categories Menu

Posted on 4 mai , 2013 | 0 comments

Leguminosas na Alimentação

Talvez pela semelhança do nome muitas pessoas pensem que leguminosas e legumes são o mesmo alimento, o que está bem equivocado. Como já falamos sobre os legumes provavelmente vai ficar mais fácil de definir as leguminosas, que estão dentro de outro grupo de alimentos, também fazendo parte dos mais importantes. Todos os grãos produzidos em vagens são chamados de leguminosas, como por exemplo, feijão (preto, mulatinho, manteiga, carioca), grão de bico, ervilha, soja, lentilha, fava e tremoço. E para quem aprecia o prato favorito dos brasileiros: arroz com feijão, o Emagrecer com Dietas  vai mostrar hoje, que essa combinação é mais saudável do que imaginamos.

Leguminosas-na-Alimentação

As leguminosas têm um alto teor de ferro, vitaminas tipo B e fibras, que ajudam no funcionamento do intestino de uma maneira bem eficaz. Além disso, ocupam um importante papel por conterem carboidratos, que ajudam no fornecimento de energia para o organismo, e proteínas que auxiliam na construção dos tecidos do organismo. Sabemos que o feijão é uma fonte de ferro, no entanto é pouco aproveitado pelo organismo devido a sua origem vegetal, em virtude disso é aconselhável que façamos o consumo junto com algum alimento que contenha vitamina C, como sucos de frutas cítricas (limão, laranja, acerola…).

Outro fator bem importante e que devemos ficar atentos é no modo de consumo desse grupo de alimento, especialmente o feijão e a ervilha, pois os brasileiros têm por costume usar como acompanhantes ingredientes que não são muito adequados, como por exemplo, bacon, linguiças e entre outros que têm muita gordura e pouco nutriente. Sendo assim a dica é que o tempero seja feito com alho, cebola, pouco sal, ou alguns ingredientes a seu gosto que não tenham gordura e nem conservantes. As demais leguminosas como grão de bico, soja, ervilha… Podem ser consumidas como acompanhantes, e nunca como pratos principais.

A combinação de algumas leguminosas como o arroz e feijão, é muito nutritiva, pois o consumo dos dois, faz com que o organismo aproveite as proteínas (aminoácidos) de ambos.

O conteúdo nutricional das leguminosas maduras é diferente do valor nutricional das secas, pois essas são as “sementes” das plantas por isso nutricionalmente mais densas. Como já falamos, é interessante que fiquemos atentos na forma de consumo, para que possamos aproveitar a melhor parte do alimento.

E você? Tem o costume de ingerir leguminosas? De que maneira? Compartilhe com o Emagrecer com Diets, e aproveite para aprender a se alimentar melhor, deixe sua opinião e comentário abaixo.

Leguminosas na Alimentação 4.71/5 (94.29%) 7 votes
P.S: Se quiser um treinamento completo, passo-a-passo para emagrecer com poucos minutos por dia, eu recomendo ESTE. Atenciosamente, Thiago Silva

Seguir Emagrecer com Dietas por e-mail:

Curtir no Facebook Emagrecer Com Dietas

Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

HTML tags are not allowed.